>

Ombro

Ombro

Podemos considerar o ombro como um complexo articular, ele consiste na ligação do membro superior ao nosso tronco e, para que isso ocorra, existe a contribuição de 4 articulações e um conjunto de músculos, tendões, ligamentos e diversas estruturas que ajudam na fixação e movimentação do braço.

As articulações são: 
Glenoumeral, entre a cabeça do úmero e a cavidade glenóide da escápula; 
- Acromioclavicular, que liga a clavícula à escápula; 
- A articulação esternoclavicular, entre a clavícula e o esterno; 
- Escapulotoracica, que é a ligações da escápula com os músculos da coluna torácica e cervical.

Essas 4 articulações precisam trabalhar em conjunto para garantir a perfeita movimentação do ombro, que é a região do nosso corpo que mais permite movimento. É muito comum que essa articulação comece a sofrer sobrecarga e apresente dor e limitações.

No dia a dia do consultório a procura de pacientes para tratar casos de tendinite, bursite e artrose na região do ombro é grande, então é importante destacar que o ombro é formado por diversas estruturas (ossos, músculos, tendões, ligamentos, labrum, cartilagem, bursa e cápsula articular) que precisam trabalhar em conjunto para que sua função ocorra plenamente. Destacamos aqui 3 dessas estruturas:

Bursa - A bursa é um tecido que recobre os tendões, com a finalidade de protegê-los contra atritos e de facilitar seu movimento. A inflamação da bursa (bursite) significa que algo de errado está ocorrendo no ombro e o importante é descobrir a causa da origem da dor para que o processo termine.

Tendões - Funcionam como cordas que ligam os músculos aos ossos, assim começam nas fibras de um músculo e se fixam em alguma parte do osso. No ombro, os mais importantes são os tendões do manguito rotador, que quando em sobrecarga podem causar tendinites e até rupturas. 

Cartilagem - É um tecido que recobre os ossos nas articulações evitando o contato direto entre os ossos. É um tecido rico em colágeno, sendo extremamente liso e levemente macio. No ombro temos a cartilagem que recobre o úmero e a que recobre a glenóide. O desgaste da cartilagem leva a artrose.

Essas patologias citadas acima, e encontradas no ombro podem ser ocasionadas por diversos fatores, normalmente encontramos alterações em algumas das articulações do ombro ou articulações próximas como membro superior (dedos, punho e cotovelo), coluna cervical, dorsal e lombar, costelas e articulação temporomandibular, além de compressões neurais, vasculares e problemas viscerais.

É importante frisar a importância de uma avaliação bem realizada na busca de sanar esse tipo de disfunção. Ex: nunca devemos tratar uma “tendinete” e sim o que está causando essa disfunção, onde o movimento deveria estar acontecendo de certa forma e estar acontecendo de forma oposta ou não está acontecendo?

Além de uma avaliação minuciosa, procurando sempre achar a real causa do problema, o INSTITUTO BASIS dispõe de vários recursos no tratamento de disfunções do ombro, entre eles está a terapia manual, agulhamento a seco, Reeducação Postural Global (RPG), estimulação elétrica nervosa transcutânea (TENS), ultrassom, e exercícios terapêuticos que tem sido utilizados na reabilitação e prevenção de problemas nessa articulação, objetivando o alivio da dor e a melhora da função e qualidade de vida do paciente.

FALE CONOSCO

TELEFONE: (11) 4586-5624
WHATSAPP: (11) 99906-1604

E-mail: contato@institutobasis.com.br

Rua Cap. Cassiano Ricardo de Toledo, 191. Sala:1002 -  Chácara Urbana - Jundiaí, SP

INSCREVA-SE

Inscreva seu email e receba nossas novidades:


SIGA-NOS